Destaques

Receba nosso conteúdo por e-mail ♥

quarta-feira, 26 de junho de 2019

Coisas da geração por Lagum | Playlist

Imagem: Reprodução/ divulgação

A banda Lagum, lançou seu segundo álbum intitulado Coisas da geração. O disco é um manifesto sobre os problemas dessa geração, como lidamos com sentimentos e sobre como deixamos tudo o que acontece ao nosso redor nos afetar. A ideia da construção da identidade do álbum é incrível, tudo que foi descrito nas letras das canções é de fato coisa da geração atual. O óbvio também precisa ser dito, o manifesto compartilhado através das dessas melodias gera muito mais que uma identificação, gera compreensão, empatia e cria uma atmosfera segura para jovens ansiosos e perdidos.


O contraste entre fases é marcante nas canções, mas a construção da identidade musical enquanto banda nesse novo disco é muito grande. Desde Andar sozinho que é parceira com o Jão, deu para observar que apesar de continuar na mesma atmosfera musical, muita coisa ia mudar nesse long-play justamente para marcar a nova identidade comercial deles também. Afinal, música também é feita para fins comercias e isso pesa na construção para qualquer banda comercial. Eles assinaram um contrato com a Sony Music no final de 2018 e lançaram Bem maior que foi um single de sucesso, assim todas músicas lançadas posteriormente. 
Imagem: Redes Sociais/Facebook

A banda desde que começou a ter um espaço no mercado musical me trouxe a sensação que veio para ocupar definitivamente um espaço na música brasileira, ainda é possível observar outras produções muitas boas e de artistas que não são tão mercadológicos como Jaloo, Mc Tha, Zimbra, dentre outros. Mas desde Scracho e Forfun que com certeza influenciaram muito na construção de identidade melodiosa do Lagum, não se observava bandas que passassem pela mesma atmosfera e estivessem em evidência. Todas as referências de bandas antigas são bem perceptíveis no som dos caras de BH, porém com um toque de originalidade genial e diferente do estava em evidência  nos últimos quatro anos.

O disco conta com quatorze faixas sendo uma delas em parceria com o Jão, algumas são bem dançantes e outras bem leves, típicas canções de fim de tarde. Com certeza um disco de sucesso, um marco na carreira da banda que só tende a evoluir, ganhar mais espaço e fãs. 

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Instagram

© Escritos & Livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in