Destaques

Receba nosso conteúdo por e-mail ♥

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Escritos: Que o amor se espalhe pelo mundo! ♥

                                           fonte: que me transborde.

Hoje é um dia de amor. Os Estados Unidos legalizaram a união de casais homossexuais, me sinto tão feliz. O amor vem quebrando barreiras e mostrando que não existem padrão quando se trata de família.

Esse amor que se espalha pelo mundo em forma de manifesto espero que contagie a todos com muita paz e felicidade. Uma barreira já foi quebrada, agora vamos todos nos prontificar em ajudar nessa luta. 

Sem discursos de ódio, sem xingamentos, apenas com o amor. Enquanto o oponente nos trata com palavras de baixo calão e argumentos vazios, rebatemos com o que se tem de melhor, mais bonito, puro e sincero.

Nada de brigas, apenas discussões saudáveis. Não se pode mudar a cabeça do povo, mas todos podemos fazer a nossa parte!

Links mais legais da semana #02 | Blogosfera

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Estante: Extraordinário, um livro que faz jus ao seu título.

   Um garotinho de dez anos que vai surpreender como pode ser tão jovem e tão sábio. 

Autora: R.J. Palacio 
Editora: Intrínseca
Páginas: 318
Classificação: 
"Esse preceito significa que deveríamos ser lembrados pelas coisas que fazemos. Elas importam mais que tudo. Mais do aquilo que dizemos ou do que nossa aparência."

August Pullman o Auggie, como é chamado pela família, nasceu com uma síndrome genética cujo a sequela é uma deformidade facial. Ele está indo pra escola pela primeira vez, onde vai aprender coisas incríveis, amadurecer e ensinar coisas bonitas as pessoas a sua volta.


Quando se é diferente como o Auggie as pessoas tendem a ser idiotas. A maioria delas não sabe lidar com as diferenças, mesmo sendo adultas. O que ainda me faz acreditar que esse ainda seja um grande problema no mundo.
"Grande é aquele cuja força conquista mais corações pela atração do que pelo próprio coração".

O livro é narrado por diversos personagens, cada um deles conta um pouco de si e de sua vida com o August. A Parte que eu mais gostei foram as narrações dele e seus pais. Ele tem uma família maravilhosa e que me ensinou muitas coisas.




Na escola ele vai aprender que as vezes as pessoas podem ser cruéis. Apesar de sofrer com os comentários, ele não se abala e consegue espalhar um pouco da criança maravilhosa que é em todos os lugares por onde passa.

O Sr. Browne é meu personagem favorito, seus preceitos deixaram a história ainda mais maravilhosa. Recomendo o livro a todos, mas principalmente as crianças e adolescentes. Lidar com as diferenças alheias é uma tarefa difícil, acredito ao ler essa história, eles irão passar a encarar o mundo de uma nova forma. 
"Para mim, porém, eu sou apenas eu. Um garoto comum. Mas, se quiserem me uma medalha por ser eu mesmo, tudo bem."



Extraordinário não é um livro para todo mundo?

Talvez nem todos possam absorver a mensagem principal. Eu gosto de combinar os livros com o que estou sentindo, acredito que essa seja a melhor maneira de absorver o assunto tratado. A mensagem principal desse livro vai variar de quem irá lê-lo, seja criança, adulto ou adolescente. Apesar de ser um livro infanto-juvenil se encaixa em todas as categorias, todos deveriam aprender um pouco mais com o Auggie, o Sr. Browne a Via e todos os outros personagens.   

Espero que tenham gostado da resenha, Já leram o livro? Se sim, me contem nos comentários.

terça-feira, 23 de junho de 2015

Escritos: Um agradecimento especial a Capricho.


Sei que muitas de vocês devem conhecer está revista, durante muito tempo suas versões impressas foram as minhas melhores amigas. O dia mais feliz era o qual eu ia a banca comprar a nova edição. Até que finalmente eu consegui convencer o meu Pai a me deixar assinar, anos se passaram e recebi a notícia que a versão impressa acabaria, fiquei triste pelas garotas que irão conhecer a revista no futuro e jamais terão o prazer de esperar o correio entregar, pois está edição vem o pôster da sua boyband favorita ou daquele ator da sua série favorita. É a melhor sensação de ansiedade.

Ensinou-me muitas coisas, desde truques de maquiagem a coisas que me fizeram evoluir como pessoa. Sou muito grata por isso, pois quando se é adolescente tudo parece o fim do mundo e muitas vezes meu consolo eram os textos e depoimentos de superação que vinham naquela edição.


Quando eu lia os textos e absorvia as coisas boas, outras que me faziam refletir e umas até me emocionar.  Assim eu comecei a escrever o que acabou se tronando um hobby e até hoje é umas das minhas paixões. A revista onde eu aprendi que é possível sim realizar os seus sonhos, basta lutar e acreditar neles.

Queria realmente poder agradecer por tudo, pelas sugestões de livros, músicas e pelos textos da Bruna e de outras pessoas que já escreveram para a mesma coluna. Obrigada de coração, a revista pode até parar de circular nas bancas normalmente, mas vocês sempre terão um lugar na minha estante do meu coração.

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Escritos: Aprendi com o amor.


Ah, o amor!

Sentimento tão bonito e puro. Vários poetas já escreveram sobre o mesmo e ao ler alguns textos, vivenciar algumas situações cheguei a uma simples conclusão sobre a minha definição de amor. 

Amor sempre vai ter mais de uma definição. Seja ele entre família, irmãos ou amigos. Um dicionário pode até constar os significados, porém nenhum deles será capaz de interpretar tamanho sentimento.

Nesse dia 12 tão esperando por alguns, eu só queria dizer por meio das palavras mais simples, o que se resumiria a uma única frase do poeta Mário Quintana:

"Espalhe que o amor não é banal. E que, embora estejam distorcendo o sentido verdadeiro dele nos tempos modernos de hoje, ele existe e é o ingrediente mais importante da vida, a própria porção mágica da felicidade."


                                                 

                                                   Feliz dia dos namorados leitor, boa noite.

Instagram

© Escritos & Livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in