Destaques

Receba nosso conteúdo por e-mail ♥

sexta-feira, abril 06, 2018

Sem você não é verão | Estante

Nome: Sem você não é verão.
Autora: Jenny Han.
Editora: Record.
Páginas: 304 páginas.
Classificação: 
Onde encontrar: Amazon | Cultura | Saraiva | Submarino 

Sinopse: Perder alguém é sempre difícil. E após a perda a casa de veraneio já não é mais a mesma e as famílias agora passam seus verões separadas. Belly está em seu último verão antes da faculdade e sua melhor amiga Taylor acredita que ela precisa esquecer Connor de uma vez por todas e seguir em frente. Logo, depois do último verão em que ele a magoou bastante e ela está tentando esquecer seu primeiro amor. 

Jeremiah e Connor ainda estão superando sua perda. Jer ainda externa seus sentimentos e recebe ajuda, porém sue irmão mais velho se fecha numa bolha e impede que as outras pessoas o ajudem. Quando ele conta par Belly que seu irmão desapareceu ela vai ter que fazer uma escolha difícil entre passar o verão procurando o cara que ama ou finalmente deixar ele partir e o esquecer de uma vez.         

Minhas impressões:
Belly está mais madura nesse livro e enfrentando os dilemas de toda adolescente que está prestes a terminar o ensino médio. A faculdade será um grande recomeço para ela e sua melhor amiga, mas esquecer o Connor ainda é uma tarefa difícil, pois por mais que parte dela saiba que é o certo seu coração ainda não entendeu isso. 

Nesse segundo volume uma grande perda vai abalar as famílias e deixar tudo fora dos eixos. Os verões em Cousins se tornaram extintos e agora todos estão separados. Esquecer o Connor e lidar com o luto tem sido a tarefa de Belly nos últimos meses. Perdas são extremamente difíceis e complicadas. E cada pessoa em especial tem uma maneira de lidar com seu luto.

Pude conhecer um pouco mais do irmão mais velho e seus sentimentos e talvez compreender dele um pouco melhor, mas ainda sim julguei um pouco algumas atitudes dele. Entendo o luto, mas nada justifica ser um babaca completo com a Belly. Temos algumas narrações do Jere e podemos compreender como ele se sente depois da perda e a respeito da Belly também. A história toma um rumo inesperado nas últimas páginas dando algumas reviravoltas que fizeram correr para o terceiro livro.       



Citações favoritas:

Quando uma pessoa que você ama morre, a situação não parece real.

É assustador ver como as promessas se quebram com tanta facilidade. Num piscar de olhos.

E não importa o que você faz ou o quanto você tenta, não se pode evitar um sonho.

Você acha que sabe o que é o amor, você acha que sabe o que é dor de verdade, mas não sabe. A gente não sabe de nada.

Não queria que meu amor desaparecesse um dia, como uma antiga cicatriz. Queria que ele ardesse para sempre.

Porque às vezes as palavras eram tão lamentavelmente inadequadas, e eu sabia disso, mas eu tinha que tentar de qualquer forma.             

Imensurável, um momento se esticando para o seguinte.

O futuro é incerto, mas continua sendo meu.

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Instagram

© Escritos & Livros – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in