Estante: Extraordinário, um livro que faz jus ao seu título.

   Um garotinho de dez anos que vai surpreender como pode ser tão jovem e tão sábio. 

Autora: R.J. Palacio 
Editora: Intrínseca
Páginas: 318
Classificação: 
"Esse preceito significa que deveríamos ser lembrados pelas coisas que fazemos. Elas importam mais que tudo. Mais do aquilo que dizemos ou do que nossa aparência."

August Pullman o Auggie, como é chamado pela família, nasceu com uma síndrome genética cujo a sequela é uma deformidade facial. Ele está indo pra escola pela primeira vez, onde vai aprender coisas incríveis, amadurecer e ensinar coisas bonitas as pessoas a sua volta.


Quando se é diferente como o Auggie as pessoas tendem a ser idiotas. A maioria delas não sabe lidar com as diferenças, mesmo sendo adultas. O que ainda me faz acreditar que esse ainda seja um grande problema no mundo.
"Grande é aquele cuja força conquista mais corações pela atração do que pelo próprio coração".

O livro é narrado por diversos personagens, cada um deles conta um pouco de si e de sua vida com o August. A Parte que eu mais gostei foram as narrações dele e seus pais. Ele tem uma família maravilhosa e que me ensinou muitas coisas.




Na escola ele vai aprender que as vezes as pessoas podem ser cruéis. Apesar de sofrer com os comentários, ele não se abala e consegue espalhar um pouco da criança maravilhosa que é em todos os lugares por onde passa.

O Sr. Browne é meu personagem favorito, seus preceitos deixaram a história ainda mais maravilhosa. Recomendo o livro a todos, mas principalmente as crianças e adolescentes. Lidar com as diferenças alheias é uma tarefa difícil, acredito ao ler essa história, eles irão passar a encarar o mundo de uma nova forma. 
"Para mim, porém, eu sou apenas eu. Um garoto comum. Mas, se quiserem me uma medalha por ser eu mesmo, tudo bem."



Extraordinário não é um livro para todo mundo?

Talvez nem todos possam absorver a mensagem principal. Eu gosto de combinar os livros com o que estou sentindo, acredito que essa seja a melhor maneira de absorver o assunto tratado. A mensagem principal desse livro vai variar de quem irá lê-lo, seja criança, adulto ou adolescente. Apesar de ser um livro infanto-juvenil se encaixa em todas as categorias, todos deveriam aprender um pouco mais com o Auggie, o Sr. Browne a Via e todos os outros personagens.   

Espero que tenham gostado da resenha, Já leram o livro? Se sim, me contem nos comentários.

Instagram